Literatura de Verdade

Um blog sobre livros e notícias. E notícias sobre livros.

Nossa mulher em Havana

with one comment

Undercover

A dessemelhante Bahia vai entristecendo antes da quarta-feira de cinzas, mas, já que fomos a Cuba, mamãe, eu quero voltar, pelo menos ao assunto. Eis que cai nas mãos do cronista relatório secreto sobre a viagem da comitiva brasileira a Havana no fim de janeiro. É um amontoado codificado de números assinado por uma tal de “agenta (sic) Vanda”, que, com o auxílio de um livro de Graham Greene, foi traduzido no texto que segue abaixo e fala por si:

Parágrafo A engoliram história dos tratados comerciais ponto

Parágrafo B disse que não atiraria primeira pedra, mas ela já tinha sido atirada – e só não quebrou nada porque a vidraça já não está lá faz tempo ponto

Parágrafo C blogueira cumpriu papel forma brilhante ponto

Parágrafo D em Cuba, é fim de festa – vide “Um morto muito louco” ponto

Parágrafo E preparar próximo regime ponto muita Coca-Cola ponto

Anúncios

Written by Rodolfo Borges

Fevereiro 11, 2012 às 3:38 pm

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Muito, muito bom. “só não quebrou nada porque a vidraça já não está lá faz tempo”…

    Isabel

    Fevereiro 11, 2012 at 4:36 pm


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: