Literatura de Verdade

Um blog sobre livros e notícias. E notícias sobre livros.

Posts Tagged ‘educação sexual

Vendedores de ideias

leave a comment »

Intellecutuals_society_thomas_sowell1

As ações afirmativas fizeram mal aos negros nos Estados Unidos; o pacifismo contribuiu para a expansão da Alemanha nazista e a consequente Segunda Guerra Mundial; e a educação sexual nas escolas americanas aumentou a incidência de doenças sexualmente transmissíveis e de gravidez entre adolescentes. Está tudo em Intelectuais e Sociedade, de Thomas Sowell.

O livro, lançado em 2010, mira contra os intelectuais que Sowell classifica como “ungidos” (anointed, em inglês), em contraposição aos intelectuais de visão trágica ou pessimista. Enquanto os “trágicos” acham que o máximo que o homem pode fazer é lidar com a própria miséria e as limitações que a vida impõe, os ungidos acreditam que podem melhorar o mundo ou salvar a humanidade.

Os intelectuais ungidos têm a pretensão de acabar com o racismo, o machismo, a violência, os estupros, e tudo o mais de ruim que exista ou que eles enxerguem como mal. O problema é que o bem absoluto não existe e, mais do que isso, a boa intenção não basta, como mostra Sowell.

Na tentativa de ajudar os negros, por exemplo, os intelectuais americanos criaram e sustentaram ideias e políticas que contribuíram, ao longo do século 20, para piorar os índices sociais da categoria beneficiária de intervenções sociais — intervenções que, apesar de se mostrarem falhas, seguem sendo reproduzidas por aí.

Ao contrário de um engenheiro, que será responsabilizado por um prédio que cair, ou de um piloto, sobre o qual recairá a culpa de um acidente aéreo, o intelectual “ungido” segue imaculado, contudo, quando as consequências de suas ideias se provam desastrosas — como no caso do comunismo.

%d bloggers like this: