Literatura de Verdade

Um blog sobre livros e notícias. E notícias sobre livros.

Posts Tagged ‘político

Obrigado por este momento

leave a comment »

merci

Mais do que a desconstrução de um político, foi a desconstrução de um político socialista que me atraiu em Merci pour ce moment (Obrigado por este momento, em tradução livre), publicado em setembro deste ano pela jornalista Valérie Trierweiler. Ex-mulher do presidente da França, François Hollande, Valérie conta no livro, entre outras coisas, que Hollande costuma chamar os pobres de “sem dentes” e cultiva o que ela considera hábitos elitistas, desses que os socialistas gostam de criticar.

Desabafo da jornalista e ex-primeira-dama da França após revelação da traição que deu fim ao romance, o livro — já um best-seller, com 500 mil cópias vendidas — é eivado de ressentimento, mas sincero o bastante para entregar que, se Hollande não é lá dos namorados mais confiáveis (os dois viveram nove anos juntos, mas não chegaram a casar), a ciumenta e geniosa Valérie também não é uma companheira de fácil convivência. Nesse quesito, Merci pour ce moment é instrutivo para quem pretende manter um relacionamento em harmonia, mas voltemos ao poder.

Valérie diz que a chegada ao Palácio do Eliseu mudou Hollande. Do político atencioso e divertido que ela conhecera enquanto repórter da revista Paris Match sobrou apenas o presidente preocupado com a própria imagem — preocupação que aumentava à medida que sua popularidade despencava. O resultado do desinteresse crescente de Hollande pela mulher — remoído quase que a cada página — é um livro que escancara a intimidade do presidente da França.

E se a intimidade de qualquer pessoa não costuma ser muito bonita, no caso de um político, cujo ofício é se moldar à perfeição perante o eleitorado, o resultado é ainda pior. Hollande não demonstra simpatia nem pelos deficientes físicos, conta Valérie. O presidente não dá atenção às crianças, nem a causas humanitárias. E, a ainda segundo ela, o socialista não teria se sensibilizado nem durante o funeral de Nelson Mandela.

Nesta semana, o eterno candidato nanico à Presidência Levy Fidelix caiu na armadilha de se mostrar como é, durante debates na televisão, ao repudiar de forma grosseira relações entre pessoas do mesmo sexo. Como a maioria dos políticos é esperta demais para dizer o que realmente pensa, eu gostaria de agradecer a Valérie por momentos de revelação como este.

Anúncios

Written by Rodolfo Borges

Outubro 3, 2014 at 12:26 pm

%d bloggers like this: